dicas gerais - Corpo em Forma Academia

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Dicas



Aqui você vai encontrar tudo de bom e de mais interessante para te ajudar a manter a forma, ritmo e a saúde.



Atividade física é um direito de todos e uma necessidade básica!


O ser humano, na sua preocupação com o corpo, tem de estar alerta para o fato de que saúde e longevidade devem vir acompanhadas de qualidade de vida, tanto no presente como no futuro.

A atividade física é uma aliada imprescindível para alcançar uma boa forma física e sua prática deve ser desenvolvida de uma

forma prazerosa e contínua ao longo de toda a vida.

A preocupação de promover e manter a saúde deve ser ressaltada para a população mundial, que, cada vez mais, necessita, em sua rotina diária, da prática de exercícios físicos regulares para combater os efeitos nocivos da vida sedentária.

Vale tudo: andar, dançar, correr, pedalar, passear com o cachorro, fazer compras a pé, subir e descer escadas, fazer jardinagem, enfim, levar uma vida mais ativa. Em outras palavras, não são necessários níveis altos de prática física, horas intermináveis de exercícios ou dor e sofrimento. Para aproveitar as vantagens da atividade física, é suficiente aumentar o grau de integração da vida diária à atividade física, combatendo o sedentarismo e seus riscos para a vida humana.

Na aparência: Melhora seu visual, melhora sua postura, os músculos ficam mais eficientes e com melhor tônus, combate o excesso de peso e o acúmulo de gordura.

No trabalho: Aumenta a produtividade, menor propensão às doenças, melhor índice de freqüência no trabalho, combate o estresse e a indisposição, melhora sua capacidade para esforços físicos.

No dia a dia: Maior disposição para as tarefas cotidianas, O coração trabalha de forma mais segura e eficiente Aumenta seu fôlego, Melhor elasticidade e flexibilidade do corpo, Melhora sua auto-estima, Você se alimenta e dorme melhor, Vive melhor e com mais qualidade.

Na saúde: Aumenta a qualidade e a expectativa de vida, melhora seu sistema imunológico, previne e reduz os efeitos de doenças como: Obesidade, Osteoporose, Estresse, Cardiopatias, Hipertensão arterial, Deficiências respiratórias, Problemas circulatórios, Diabetes, Alterações de taxas de colesterol.




Atividade Física na Gravidez

Muitas mulheres gestantes são dedicadas esportistas, e uma dúvida muito freqüente é saber até que ponto o esporte ou qualquer outra atividade física pode ser praticada durante a gravidez. A grande maioria dos ginecologistas acredita que a prática de exercícios físicos durante a gestação é muito importante para o bem estar da mulher, por seus inúmeros benefícios: melhora a circulação sanguínea, alivia as dores lombares, fortalece a musculatura, ajuda os problemas de sono, promove um aumento mais gradual do peso, entre outros. O importante é conversar com seu obstetra sobre quais atividades físicas são as mais indicadas e qual a intensidade e duração das mesmas. É óbvio que são desaconselháveis esportes violentos ou perigosos como lutas marciais, esqui aquático, mergulho, e qualquer tipo de atividade física que provoque um desgaste muito intenso. Os mais aconselháveis são: caminhadas, natação e ginástica para gestantes, exercícios de relaxamento.


Como melhorar sua qualidade de vida


Obesidade, hipertensão, insônia, estresse, nervosismo, desvio posturais devido à falta de musculatura, colesterol. Estas são apenas algumas conseqüências da falta de atividade física regular. Engana-se quem pensa que estes males afligem apenas os homens de idade adulta.

Nos países mais desenvolvidos, assim como nos centros urbanos brasileiros, a obesidade infantil e a alta incidência de

problemas cardíacos entre mulheres têm assombrado a comunidade médica com sua progressão acelerada.
Para evitar e combater estes males da vida moderna, a fórmula é uma só: melhorar a qualidade de vida das pessoas, através da prática regular de atividades físicas, de muita informação e pela aquisição de hábitos saudáveis.
Mas e a parte estética? Emagrecimento, redução de gordura localizada e celulite, modelar o corpo de forma harmônica, tornando-o mais bonito, são conseqüências inevitáveis de um programa de exercícios, e não um objetivo principal. É claro que os resultados estéticos aparecerão através da atividade física, porém, só serão mantidos com hábitos de vida saudáveis. Quando a prioridade é apenas a parte estética, muitas vezes se coloca em risco a saúde, o que de fato não vale a pena.

Não existe idade ideal para começar nem para deixar de fazer exercícios: na verdade, assim como reservamos um tempo do nosso dia para tomar banho ou escovar os dentes, deve haver um tempo reservado para alguma atividade física. Entretanto, a infância é a época de maior fixação de hábitos, destacando-se, entre eles, o da prática de exercícios.
Sabe-se que indivíduos que praticam atividades físicas por toda a vida não apresentam um declínio tão acentuado da capacidade funcional, e que as pessoas maduras e idosas reagem da mesma forma ao treinamento, ou seja, conseguem excelentes resultados musculares e cardiovasculares ao iniciarem um programa de exercícios físicos.

Segundo um estudo do American College of Sports Medicine (Universidade Americana de medicina Esportiva), as doenças da terceira idade não podem ser atribuídas apenas à idade avançada, mas sim (e principalmente) ao sedentarismo prolongado, que provoca perda de massa muscular (gerando problemas de posturas e metabólicos), altera as funções respiratória e neuromuscular e diminui a funcionalidade do indivíduo, que passa a ter dificuldade de executar as tarefas diárias mais simples.
A prática de atividade física regular nos trás muitos benefícios para a saúde como: Ajuda a controlar o peso, ajuda a construir e manter ossos, músculos e articulações saudáveis, promove o bem-estar psicológico, reduz o risco de desenvolver diabetes, ajuda a reduzir a pressão alta em pessoas que sofrem de hipertensão, aumento do gasto energético, aumento da auto-estima e auto confiança, alívio do stress, melhoria na qualidade do sono, sensação de bem estar causada pelas substâncias liberadas durante o exercício, socialização.


Dicas para manter qualidade de vida:



   Uma boa noite de sono. Para assegurar um bom descanso noturno, evite o álcool, a nicotina e a cafeína pelo menos quatro horas antes de se deitar.
   Um despertar felino. Faça como os gatos e se espreguice bastante cada manhã. Depois, inspire, levando o ar até o diafragma, mantenha-o alguns segundos e expulse-o lentamente. Repita quatro vezes e se sentirá pronto para começar o dia.

  Caminhe como um vencedor. Uma postura erguida não só melhora a figura, mas aporta mais confiança e auto-estima.

   Hidrate-se melhor. É possível viver algum tempo sem comida, mas alguns dias sem água são mortais. A grande maioria de nosso corpo é líquida, cujo nível necessita se recarregar continuamente para se manter vital e eliminar as toxinas. A calefação e o ar condicionado aceleram a perda de água, da mesma forma que uma dieta alta em sal, açúcar e álcool. Beba de seis a dez copos de água ao dia, ainda mais se faz exercício. Coma de maneira saudável para se sentir bem.

   Dance como ginástica. Dançar é um grande exercício que queima calorias e ainda melhora o humor. Quando sair, disponha-se a dançar e a movimentar o corpo. Uma noite de dança equivale à sessão mais dura de ginástica aeróbica.

   Um banho relaxante. Uma cura caseira para o estresse consiste em acrescentar óleos essenciais de banho. O calor da água dilata os vasos capilares e o óleo é melhor absorvido embora a água não deve estar muito quente, para a essência não evaporar. Relaxe por 20 minutos e sairá da água como novo!

   Pratique atividade física regularmente. O mais importante para a prática de atividade física é você estar envolvido em um ambiente agradável, onde você se sinta à vontade. Partindo deste princípio você deve pensar em uma atividade que te proporcione prazer, e ao mesmo tempo possa ir de encontro ao seu objetivo principal.



Dicas para reduzir a barriga


  
Uma alimentação saudável é ideal para manter a forma e até perder aquela barriguinha indesejável.

Evite:


   Alimentos causadores de gases como: refrigerantes, feijão, frituras, pão, queijo e enlatado, carne vermelha, embutidos como lingüiça, presunto, salame e salsicha.
Alimentos que retêm líquidos como: embutidos, sal em excesso e alimentos processados



Alimentos que favorecem uma barriga retinha:


   As fibras insolúveis associadas a uma ingestão adequada de líquidos permitem que o intestino funcione de forma regular evitando que a barriga fique dilatada e dolorida (são eles: farelo de trigo não processado ou farelo de arroz, cereais integrais, pão Integral; legumes/ervilha, vagem e nozes; raízes incluindo batata e cenoura; verduras como o espinafre; maçã, laranja e outras frutas. No entanto, as fibras são decompostas pelas bactérias do intestino e o organismo leva um tempo para se acostumar com isso. Assim, introduza-as devagar nas refeições).
 Os alimentos diuréticos também contribuem para diminuir a retenção hídrica diminuindo o inchaço (chás, suco de limão, melancia, morango, abóbora, agrião, beterraba, cenoura, escarola, folhas de beterraba, repolho, salsinha, tomate, broto de feijão, pepino).




Dicas para uma caminhada confortável e eficiente


Andar a pé é um ato simples, porém importante para a saúde. Essa atividade tão comum traz muitos benefícios no sistema cardiovascular, diminuindo os riscos e problemas causados por obesidade e sedentarismo com cardiopatias, diabetes, entre outros.

A caminhada já apresenta benefícios nas pessoas que praticam de 30 minutos à um hora, de 3 à 6 vezes por semana.

A escolha do tênis é muito importante para garantir uma prática saudável. Procure um ortopedista e faça o teste da pisada. Ele deve ser leve, arejado e ter um sistema de amortecimento na parte de trás.

Antes do exercício, alongue-se como forma de preparo da musculatura. Esta etapa não é obrigatória, mas é recomendável. A própria atividade em si, em ritmo mais confortável pode servir de aquecimento. Após a caminhada é essencial o alongamento para relaxar os músculos envolvidos na atividade.

A caminhada deve ser a mais natural possível. A postura é automatizada, pois aprendemos a caminhar desde cedo. A movimentação de braços ou carregar pesinhos não trará mais benefícios e também não é recomendado.

Dê preferência aos horários antes das 10 horas ou depois das 15 horas e procure locais com índice de poluição menor. Utilize roupas leves, arejadas e que permitam um bom grau de mobilidade. Evite carregar algo a mais além de seu corpo e uma garrafa de água, alias, é bom se preocupar com a hidratação, principalmente em dias mais quentes.




Efeito Sanfona: como se livrar deste mal?


O efeito sanfona é o mal que atrapalha muitos os que sonham em ter o corpo em forma. Isso acontece quando a dieta escolhida é muito restritiva deixando baixa a carga de energia necessária para os treinos e atividades do dia-a-dia.

Em dietas como as de proteína, em que a base da alimentação é carne, o nível de carboidrato é muito abaixo das necessidades diárias. Com isso o corpo acaba consumindo a proteína muscular para ter o mínimo de energia. O problema é que o uso da proteína muscular influencia diretamente na perda da massa muscular. No fim da dieta, a balança pode até mostrar um resultado significativo, mas a massa gorda continua no corpo.
Nessas dietas há também perda de água. Para cada grama de glicogênio (carboidrato mais oxigênio) utilizado e não reposto perde-se 3 gramas de água. A diminuição dessa massa muscular faz com que o metabolismo desacelere reduzindo a capacidade de queimar colorias.
A manutenção ou ganho da massa muscular permite manter um metabolismo mais acelerado durante todo o dia. Assim o corpo queima calorias mesmo não fazendo exercícios, por exemplo, enquanto trabalhamos, descansamos e até quando dormimos.

Se depois de perder bons quilos a alimentação voltar ao normal com alguns doces e gorduras o peso volta com rapidez, pois a capacidade de queima está menor, facilitando o ganho rápido do peso.
O ideal para evitar este fenômeno de perda e ganha de peso, é ter uma dieta orientada e equilibrada, não é só a qualidade dos alimentos que importa, mas proporção de cada nutriente, de acordo com a necessidade de cada individual. Para isso, procure um nutricionista.

Pratique musculação, para aumentar um pouco ou manter sua massa muscular. Alimente-se antes para ter energia para treinar e não passar mal e alimente-se depois para repor energia e manter a massa muscular. Faça exercícios aeróbios para utilizar gordura como energia e condicionar o coração. E, mantenha uma rotina razoavelmente disciplinada, pois o resultado é acumulativo.



VOCÊ PODE CONSEGUIR TUDO O QUE DESEJA. PARA ISSO BASTA TER EM SUA MENTE QUE NA VIDA O QUE VALE É A PERSEVERANÇA E A VERDADEIRA VONTADE DE ATINGIR O SEU IDEAL. LUTE QUE A RECOMPENSA
VIRÁ !!


ACADEMIA CORPO EM FORMA


CUIDANDO BEM DA SUA SAÚDE !





 
Copyright 2015. All rights reserved.
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal